0 Item

Ao contrário do que muitos gestores imaginam, a cultura da inovação não é uma estratégia única e exclusiva das startups. Empresas de qualquer segmento e tamanho devem implementar um sistema de inovação contínua, caso queiram se tornar líderes de mercado, em vez de perder espaço. Porém, todo avanço tecnológico requer uma postura diferente dos gestores em relação às possibilidades que surgem com ele.

Algumas empresas são mais focadas em inovação por lidarem diretamente com tecnologias de ponta. Essas clamam por uma atitude inovadora, e uma grande quantidade de negócios vem sofrendo disrupção provocada por esses avanços no ramo da TI. As outras devem seguir o exemplo e adotar tecnologias e metodologias que contribuam para fomentar uma cultura da inovação sustentável.

Mas criar um ambiente propício e aberto à inovação pode não ser tão fácil e rápido. Por isso, preparamos este post. Queremos ajudar você a fazer tudo o que for necessário para que a inovação esteja sempre presente na sua empresa. Então, aproveite as nossas dicas para melhorar os seus negócios.

Entenda que todas as empresas devem se atualizar

Praticamente todas as empresas, grandes ou pequenas, têm uma conexão com a TI. Até mesmo segmentos mais conservadores, como a agricultura e a pecuária, usam chips e sensores conectados à internet para medir pH do solo, umidade do ar, rastrear e monitorar o movimento de animais.

À medida que as tecnologias de inteligência artificial avançam, mais e mais softwares e equipamentos agregam automatização às tarefas e substituem as ações humanas dos processos. A integração e a comunicação entre os objetos, eletrônicos ou não, por meio da Internet das Coisas (IoT) é um exemplo do que estamos falando.

Nesse sentido, a empresa precisa ficar sempre atenta ao surgimento de novas tecnologias e metodologias que possam trazer melhorias aos processos internos e externos. É assim que uma marca ganha relevância e se torna referência no mercado.

Estimule a implementação da cultura da inovação

Crie uma sensação de urgência

Para montar um ambiente favorável à inovação contínua, o primeiro passo é criar um senso de urgência na empresa. Como o comportamento humano é baseado por estímulos, só nos movemos de verdade quando há um desejo forte ou uma grande ameaça iminente. Ao criar essa sensação, permita que ela se espalhe e alcance todos os níveis organizacionais para gerar uma motivação global.

Passe a questionar a forma como as coisas são feitas

O próximo passo é rever a cultura e os valores do negócio. Eles costumam ser criados quando a empresa é fundada e não são mais questionados. Em cenários de constantes mudanças, questioná-los periodicamente será necessário. Isso é o que ajudará os gestores e profissionais a mudarem de postura e adotarem um posicionamento mais estratégico.

Forme uma equipe própria de pensadores

Tenha uma equipe de profissionais motivados e dedicados somente ao pensamento crítico e às pesquisas de soluções. Assim, você cria um setor exclusivo para a reflexão, pensamento “fora da caixa”, e inteiramente dedicado à inovação.

Promova reuniões de brainstorming

O foco desses encontros deve ser apresentar resultados e levantar questionamentos sobre formas diferentes de se fazer as coisas, bem como o que é e não é necessário ser feito. Muitas vezes a pergunta pode ser mais importante do que a resposta, por estimular grandes reflexões. A técnica da planilha 5W2H pode ser utilizada como ferramenta para organizar as ideias e ações discutidas em grupo.

Faça benchmarking

Dedique-se a pesquisar constantemente os concorrentes e as empresas internacionais para descobrir o que fazem e como. Copiar modelos que dão certo é o que impulsiona a inovação em todos os setores da economia.

Forme equipes com pessoas motivadas e empreendedoras

Atrair jovens com espírito empreendedor pode ser uma forma rápida de começar, principalmente se a empresa der a eles as condições que precisam para expressar suas ideias livremente. Mas, antes, será necessário promover uma mudança de postura dos gestores, para que eles não bloqueiem o questionamento do ambiente. Os líderes devem estimular e participar ativamente da indagação sobre o porquê das coisas serem feitas do jeito que são.

Todos têm o potencial para inovar, mas cada um tem um brilho diferente no olhar. Com um ambiente mais favorável à inovação, essas pessoas devem se destacar em maior e menor grau. É nesse momento que os gestores precisam saber identificar os colaboradores certos e selecioná-los para promover um espírito inovador na empresa. A ideia é que essas pessoas liderem um movimento a favor da inovação, tirando todos da zona de conforto.

Encare os riscos e os erros como algo natural

Assumir riscos é uma condição necessária para quem deseja inovar. O problema é que muitas empresas não têm nenhuma tolerância ao erro. Errar e assumir, apontando onde foram as falhas, representa um processo natural e importante para a inovação, pois o aprendizado está em jogo aqui.

O pensamento deve mudar e os profissionais e gestores que assumirem riscos precisam ser valorizados. Isso é o que vai abrir um caminho livre para o processo contínuo de tentativa e erro, sem medo, até que o acerto seja atingido. Esses colaboradores devem ser recompensados de alguma forma para servirem como exemplo e estimular outros a participarem ativamente da inovação.

Dê autonomia e liberdade de atuação aos profissionais

Não adianta ter as pessoas certas e criar um departamento focado em inovação se elas não tiverem liberdade de atuação. Para assumir riscos, os indivíduos precisam ter autonomia para decidirem sozinhos os caminhos que vão trilhar e ganhar experiência com isso. Os gestores podem apontar as metas, mas a forma como elas serão atingidas deve ser de responsabilidade dos profissionais.

Esse processo é de grande valor para quem tem a inovação e o empreendedorismo no DNA, e as empresas só têm a ganhar com isso. Frases como “faça o que eu digo” devem ser substituídas por “sinta-se à vontade para encontrar os melhores caminhos e dê o melhor de si no processo”. Com base nisso, deixe os colaboradores sempre bem informados para tomarem suas próprias decisões, assumindo a responsabilidade por elas.

Para garantir um processo de inovação sustentável é importante definir uma massa crítica de mentes inovadoras na empresa e ter o cuidado constante para que os níveis de motivação não caiam, atrofiando o departamento.

Estabelecer a cultura da inovação é um processo longo e que pode levar anos para alcançar a estabilidade. Afinal, é a prática constante aliada ao tempo que fará a inovação atingir todos os níveis da organização e se tornar contínua. Como o ser humano tem uma tendência natural para se acomodar em qualquer situação, é preciso sempre estimular os envolvidos com muita energia e criatividade.

Gostou das dicas? Assine a nossa newsletter agora mesmo e seja o primeiro a receber as próximas novidades!