Experimente Grátis

Adotar cloud é inovação? Muitas empresas ainda acham que sim

Equipe Cronapp

30/03/2016

Estudo constata que preocupações dos CIOs tocam temas como articulação de diversas arquiteturas de TI ou de largura de banda

Mais de metade das empresas alcançará a maturidade da nuvem dentro de dois anos, prevê um estudo apresentado pela Oracle. Realizado pela IDG Connect, a pesquisa revela ainda que as preocupações de segurança estão sendo substituídas pelas de funcionalidade operacional.

O estudo ouviu 450 executivos de organizações e empresas da Europa, Oriente Médio e África e revela que 92% deles acreditam que a cloud permite inovar de maneira mais rápida, 72% que ajuda a manter clientes e 76% que permite obter novos.

O estudo constata também que as preocupações com segurança ou confiabilidade dos dados estão sendo preteridas por questões como as de articulação de diversas arquiteturas de TI ou de largura de banda.

“Para as empresas que estão atingindo a maturidade no desenvolvimento das suas nuvens é cada vez mais importante ser capaz de gerir desenvolvimentos públicos, privados e híbridos através de uma solução consolidada” explica Johan Duruiter, vice-presidente sênior de sistemas em Oracle para EMEA.

Razão para que 29% dos inquiridos considerem a necessidade de ter o apoio dos decisores dentro da empresa para a consecução de infraestruturas de clouds bem-sucedidas – sugerindo que a influência dos desenvolvimentos de cloud abrange outras áreas dentro das empresas, além da TI – otimização de custos (25%) e o desenvolvimento de uma relação sólida com o fornecedor de TI (22%).

Powered by Rock Convert

Bob Johnson, vice-presidente de IDG Connect sublinha diferenças na abordagem em relação à segurança. “Segurança é a principal preocupação das empresas que escolhem desenvolvimentos de cloud privada”, aspecto que, por outro lado, “indica como o volume de trabalho das empresas está a migrar para a cloud”.

Para Johnson, as empresas que optam por uma mistura híbrida de serviços, cloud on premise e cloud públicas, estão percebendo o benefício de abrir as suas infraestruturas a clientes e parceiros, o que as leva a “estar receptivas à melhoria dos sistemas de segurança”.

Outros dados do estudo:

‒ uma em cada cinco empresas (19%) já possui soluções/infraestruturas cloud maduras;

‒ na opinião da maioria dos profissionais ouvidos no estudo, o passo mais importante para alcançar o sucesso nas implementações de modelos de cloud híbridos, é ter o apoio dos principais decisores dentro da empresa (29%). Seguem-se a optimização dos custos (25%) e o desenvolvimento de uma relação sólida com o fornecedor de TI (22%);

‒ as maiores barreiras à adopção da cloud híbrida são a gestão de várias arquiteturas de TI (60%), a largura de banda da rede (57%) e a relação com o fornecedor de TI (52%).

Fonte: Computerworld

Artigos recentes

Como fazer a gestão de tempo da equipe de TI?

23/05/2019

5 tendências para chatbot que você precisa conhecer!

21/05/2019

Aplicativo em nuvem ou site mobile: qual o ideal para o seu cliente?

17/05/2019

Artigos recentes

Como fazer a gestão de tempo da equipe de TI?

23/05/2019

5 tendências para chatbot que você precisa conhecer!

21/05/2019

Aplicativo em nuvem ou site mobile: qual o ideal para o seu cliente?

17/05/2019