Experimente Grátis

Conheça o CronApp e os diferenciais de uma IDE na nuvem

Equipe Cronapp

02/08/2017

Conheça o CronApp e os diferenciais de uma IDE na nuvem

Já pensou em ter uma plataforma de alta produtividade, com metodologias ágeis de desenvolvimento por meio de tecnologias modernas de mercado? Uma ferramenta para desenvolver, realizar testes e distribuir aplicações na nuvem, que evita preocupações e gastos com servidores, criação de banco de dados e configurações de servidores web.

Para conhecer um pouco mais sobre a plataforma que ajuda no uso inteligente dos recursos, na otimização dos custos de desenvolvimento, na produtividade e na segurança da sua empresa, acompanhe o nosso post!

O que é o CronApp IDE?

É uma dPaaS (development Platform as a Service) destinada ao desenvolvimento de aplicações web e mobile usando as linguagens de programação e os frameworks mais modernos do mercado.

O desenvolvimento é feito usando uma infraestrutura de servidores na nuvem, que garantem grande poder de processamento e excelente desempenho. Para desenvolver com a IDE CronApp, o desenvolvedor só precisa de um browser conectado à internet.

Os ambientes de desenvolvimento são todos montados automática e rapidamente. O desenvolvedor não perde tempo algum criando os ambientes e preparando-os para começar a desenvolver.

O CronApp na verdade é mais do que uma IDE. Ele é uma PaaS (Platform as a Service). Nela é possível não somente desenvolver, mas também publicar as aplicações desenvolvidas. O CronApp ainda conta com um Market Place, onde empresas e desenvolvedores podem publicar e comercializar seus aplicativos, serviços e plug-ins que, na plataforma, recebem o nome de GluonSofts.

Processo de desenvolvimento com o CronApp IDE

Um dos principais objetivos do CronApp IDE é garantir um expressivo aumento de produtividade no processo de desenvolvimento de aplicações de qualquer natureza. Pode-se dizer que a IDE é uma ferramenta de desenvolvimento que reúne, em um ambiente muito produtivo, os frameworks e linguagens de programação mais modernos e desejados pelo mercado.

No momento, ele trabalha com Java, como linguagem de programação, e usa frameworks como: Angularjs, Spring Boot, JPA e Ionic. No futuro, outras linguagens serão suportadas, como: nodejs e python. Além disso, ele tem um gerador de relatórios compatível com o Jasper Reports.

O CronApp tem dois modos de operação: desenvolvedor e avançado. Ao usar o modo desenvolvedor, o usuário conta com uma ferramenta RAD (Rapid Application Development) que funciona muito fortemente baseada em drag and drop de componentes visuais. Existe até uma opção de programação totalmente visual, através de blocos de programação. O CronApp utiliza uma biblioteca para programação visual desenvolvida pela Google. Essa forma de programação é muito interessante e coloca o CronApp também como uma plataforma Low Code.

No modo avançado, o desenvolvedor ganha a enorme versatilidade dos frameworks mais modernos, podendo desenvolver aplicações, portais, apps de maneira muito mais rápida e com total controle sobre o código, ainda que conte com muitas ferramentas de produtividade. Neste modo, existem também componentes visuais da User Interface que podem ser arrastados para página da aplicação.

Nos dois modos, o desenvolvedor sempre conta com wizards que podem aumentar em muito a produtividade.

Diferenciais do CronApp IDE

Além do aumento de produtividade, pode-se dizer que o CronApp também reduz a curva de aprendizado, colocando tecnologias avançadas à disposição de desenvolvedores que não necessitam ter um conhecimento tão enciclopédico sobre cada assunto.

Ele reúne as melhores práticas em um ambiente altamente produtivo com uma enorme gama de problemas já resolvidos e orquestrados na ferramenta. Como exemplo, citamos o tratamento multi-linguagens nativo e de fácil utilização. Cada aplicação CronApp pode ser facilmente traduzida para ser usada globalmente. Além disso, é viável criar aplicações multi-inquilino que tiram proveito da escalabilidade da nuvem sem que os desenvolvedores tenham que fazer grandes estudos e criar os mecanismos para sua implementação.

O fato de colocar várias linguagens e frameworks em um ambiente integrado é outro diferencial importante. Além disso, o CronApp usa linguagens de mercado, então ele não cria um lock in com a ferramenta, permitindo ao desenvolvedor, a qualquer momento, exportar o seu projeto e trabalhar em outros ambientes de desenvolvimento, como o Eclipse.

Outro ponto que merece ser destacado diz respeito à IDE estar integrada a uma PaaS. É possível fazer a publicação da aplicação com um simples clique. Também dá para disponibilizar a aplicação no Market Place e começar a conquistar clientes imediatamente.

Vantagens que o CronApp IDE oferece para o desenvolvedor

A maior vantagem é a produtividade. Outro grande benefício é a simplicidade de um ambiente integrado com múltiplos frameworks e linguagens de programação.

Também conta com a vantagem de poder programar de qualquer lugar, bastando ter acesso a um browser. Com o CronApp, não existe mais todo o esforço de configurar ambiente e transportá-lo de um lugar para o outro. Todas as ferramentas “seguem” o desenvolvedor por onde ele for, por meio de uma conexão com a internet.

A curva de aprendizado também é reduzida. O desenvolvedor pode focar na aplicação que está desenvolvendo, em suas regras de negócio, sem ter que se preocupar com configurações exaustivas, estudos para otimizar os ambientes de desenvolvimento, etc.

Muito do que ele precisa saber e fazer já está feito em nossas configurações padrão. Ou seja, a plataforma já incorpora, nativamente, as melhores práticas de desenvolvimento de software e arquitetura de sistemas.

Outro benefício oferecido é a redução de custos de infraestrutura. É possível desenvolver soluções muito complexas usando um computador com poucos recursos, e até mesmo tablets (com teclado), chromebooks, netbooks, etc.

No CronApp, os investimentos normais com a aquisição e atualização do parque de computadores de desenvolvimento são muito reduzidos. Custos de Capex são transformados em Opex, uma vez que pode-se pagar somente o que se consome em termos de capacidade computacional para desenvolvimento.

Mercados atendidos pelo CronApp IDE

O CronApp foi feito para atender toda empresa ou desenvolvedor que necessite desenvolver qualquer tipo de aplicação, usando linguagem java: aplicações web, portais, apps mobile, etc.

Em um primeiro momento, o público-alvo é o mercado doméstico, mas o CronApp poderá ser utilizado globalmente, visto que as linguagens e frameworks são utilizadas no mundo inteiro. Já existem planos para lançamentos em outros países, a partir dos próximos anos.

O CronApp IDE ainda não está sendo comercializado, mas, brevemente serão lançados planos de assinatura para desenvolvedores individuais e planos corporativos para empresas e fábricas de software.

Resultados gerados com o CronApp IDE

A Techne já desenvolveu uma série de aplicações para seus ERPs. Na área de Governo, foi desenvolvida uma aplicação que implementa o e-social para uso tanto em órgãos públicos, quanto na iniciativa privada.

Além disso, foram desenvolvidos aplicativos de Inteligência de Negócio para o Lyceum, o ERP Educacional da Techne. Para ele, também foi desenvolvida uma aplicação mobile que atende alunos, pais e professores.

Foram desenvolvidos, ainda, portais e outros sistemas menores. Todo o desenvolvimento da Techne atualmente é feito usando o CronApp. As equipes técnicas reportam um aumento de produtividade muito significativo e tempos de entrega dos produtos bem antes dos prazos contratuais.

Para maiores informações veja dois vídeos sobre essas aplicações no Canal do CronApp no Youtube.​

Artigos recentes

Como fazer a análise de viabilidade de projetos de aplicativos?

Como fazer a análise de viabilidade de projetos de aplicativos?

20/03/2019

O que é a Megacloud e como ela funciona?

O que é a Megacloud e como ela funciona?

13/03/2019

Segurança em nuvem: 4 aspectos para criar aplicações seguras

Segurança em nuvem: 4 aspectos para criar aplicações seguras

Artigos recentes

Como fazer a análise de viabilidade de projetos de aplicativos?

Como fazer a análise de viabilidade de projetos de aplicativos?

20/03/2019

O que é a Megacloud e como ela funciona?

O que é a Megacloud e como ela funciona?

13/03/2019

Segurança em nuvem: 4 aspectos para criar aplicações seguras

Segurança em nuvem: 4 aspectos para criar aplicações seguras