Experimente Grátis

DevOps: veja como aplicar a cultura para escalar uma startup

Equipe Cronapp

07/03/2018

DevOps: veja como aplicar a cultura para escalar uma startup

As mudanças que ocorreram no mundo do desenvolvimento de software nos últimos anos forçaram empresas a adaptarem-se rapidamente a novos cenários. Hoje, quem atua nessa área precisa contar com boas metodologias, que reduzem falhas e tornam a entrega de funcionalidades mais rápida e segura. Além disso, a integração tornou-se uma peça-chave para garantir o máximo de performance para os times de developers.

Nesse cenário, a cultura DevOps tem ganhado destaque. Ela traz as bases para que as empresas tenham uma rotina integrada, com alta flexibilidade e capacidade para lidar com mudanças em projetos. Confira mais sobre o assunto abaixo!

O que é a cultura DevOps?

No ambiente de desenvolvimento de softwares, o DevOps pode ser considerado uma metodologia voltada para a entrega mais rápida de funcionalidades e a criação de um espaço de trabalho integrado. Ele foi criado para simplificar o fluxo de trabalho nas diferentes etapas de criação de um sistema — planejamento, testes, definição de requisitos etc. —, por meio da unificação de times de desenvolvimento e operação.

Mas para atingir esse objetivo e conseguir melhorar os prazos de entrega das funcionalidades, a empresa deve modificar a sua maneira de pensar. Em outras palavras, é preciso fazer uma mudança de cultura. Em vez de um ambiente operacional engessado, o empreendimento deve implementar a cultura DevOps em todos os times envolvidos em cada projeto de desenvolvimento, garantindo que a metodologia seja seguida à risca.

É necessário que todos conheçam o seu papel dentro do ambiente de criação de sistemas e atuem para que a aplicação seja entregue conforme o planejado pelos gestores. O especialista em DevOps deve, portanto, garantir que a metodologia seja seguida e integrada plenamente no local de trabalho. Já o developer precisa de um ambiente integrado, em que o trabalho colaborativo seja estimulado por meio das soluções corretas.

Se isso não ocorrer, a capacidade de atuação da empresa ficará limitada. Erros serão mais frequentes, assim como os gargalos operacionais. Da mesma forma, a companhia terá problemas para adaptar-se às mudanças e para responder rapidamente as demandas de clientes e usuários.

Em uma visão mais abrangente, o DevOps dá ao negócio a capacidade de ampliar rapidamente os seus serviços e a sua capacidade operacional. A empresa terá times integrados profundamente e, por atuarem em colaboração, será mais fácil agilizar processos e adaptar-se ao aumento da demanda por novos produtos e serviços.

Como a cultura DevOps pode favorecer a sua empresa?

Nos ambientes de desenvolvimento tradicionais, a empresa atua com times separados. Após os desenvolvedores criarem o código, o software é repassado para a equipe de infraestrutura, que deve garantir que ele seja entregue com alta performance para o usuário. Porém, essa abordagem está progressivamente sendo abandonada pelo mercado em prol de uma rotina mais integrada.

Na medida em que os times de operações, desenvolvimento e infraestrutura passam a atuar em colaboração, os projetos tornam-se mais inovadores e eficazes. A resolução de problemas e a entrega de resultados é feita com mais agilidade, uma vez que mais pessoas buscarão soluções para os desafios que envolvem a criação de uma aplicação de qualidade.

A adoção de novas ferramentas criará menos erros, por meio de um local mais eficaz para compartilhar dados e automatizar rotinas. Isso criará um novo ambiente de trabalho, com menos indisponibilidade de recursos, menos pressão sobre as equipes e erros que são corrigidos rapidamente. Dessa forma, a entrega de funcionalidades ao usuário é feita com mais segurança e em uma grande frequência.

O uso de plataformas, como a CronApp, por exemplo, facilita a aplicação da cultura DevOps no ambiente de desenvolvimento. A empresa terá condições de rastrear mudanças, criar novas aplicações e trocar informações em um espaço centralizado e confiável.

Powered by Rock Convert

O número de erros será menor e, com isso, a companhia poderá efetuar o deploy com segurança. Além disso, a manutenção de boas práticas será estimulada, dando ao negócio um lugar de destaque no mercado.

Para startups, utilizar o DevOps permite que o negócio tenha mais flexibilidade para solucionar demandas de clientes, adaptar produtos e lidar com modificações sem comprometer custos. Assim, entregando projetos para o cliente com mais rapidez, esse tipo de empresa terá mais destaque e capacidade de competir por uma fatia maior do mercado.

Como implementar o DevOps no ambiente corporativo?

A aplicação da cultura DevOps no ambiente corporativo envolve uma série de processos. É preciso que todos conheçam como a metodologia impactará na rotina, evitando erros e reduzindo o tempo necessário para que ela seja integrada ao dia a dia de cada equipe. Portanto, uma boa comunicação entre líderes de desenvolvimento, analistas, gestores e developers será crucial.

Com uma boa comunicação, a empresa pode garantir que os benefícios da aplicação da cultura DevOps no ambiente corporativo serão atingidos plenamente. Os times serão integrados com menos conflitos, e a companhia terá menos dificuldades para corrigir qualquer erro que possa ser encontrado.

Tudo o que for criado pelo time de desenvolvimento deve ser versionado. Da infraestrutura ao código, as mudanças precisam estar em um ambiente mais rastreável. Dessa forma, a companhia poderá identificar erros e conflitos com facilidade, além de tornar a gestão dos sistemas mais simples.

Se possível, o empreendimento deve contratar o apoio de uma equipe de consultores. Atuando lado a lado com os times internos, os consultores podem ajustar as rotinas para reduzir custos, eliminar processos manuais, aumentar a disponibilidade de profissionais e garantir que todos estejam seguindo as melhores práticas de desenvolvimento.

As ferramentas utilizadas ainda impactam na capacidade de o negócio integrar a cultura DevOps ao seu dia a dia. O gestor deve utilizar soluções para tornar o compartilhamento e o versionamento de código mais ágil e preciso. Ademais, sistemas para testes e deploy automatizado também podem ser implementados, reduzindo os prazos para a entrega de produtos.

O foco deve ser nas pessoas — crie times reduzidos e coloque-os para atuar em projetos menores. Assim, será mais fácil acompanhar o desenvolvimento do trabalho, eliminar falhas e garantir que boas práticas sejam mantidas.

Em empresas de grande porte ou com vários processos de desenvolvimento tradicionais consolidados, a implementação da cultura DevOps pode representar um desafio para o gestor de TI. Portanto, é importante que ele busque, se necessário, o apoio de parceiros estratégicos. Eles conseguirão avaliar como a companhia está atuando e diminuir as chances de algo dar errado.

Além disso, a comunicação entre os times deve ser estimulada sempre — ela evita conflitos, permite que mudanças sejam aplicadas rapidamente e garante que a companhia conseguirá beneficiar-se da cultura DevOps por completo.

Gostou deste post e quer ficar por dentro de outras novidades sobre TI e desenvolvimento de softwares? Então, siga as nossas redes sociais: estamos no Facebook, Twitter, YouTube, LinkedIn, Google+ e Instagram!

Artigos recentes

Como fazer a gestão de tempo da equipe de TI?

23/05/2019

5 tendências para chatbot que você precisa conhecer!

21/05/2019

Aplicativo em nuvem ou site mobile: qual o ideal para o seu cliente?

17/05/2019

Artigos recentes

Como fazer a gestão de tempo da equipe de TI?

23/05/2019

5 tendências para chatbot que você precisa conhecer!

21/05/2019

Aplicativo em nuvem ou site mobile: qual o ideal para o seu cliente?

17/05/2019